Menu

Qual é o futuro das rádios inteiramente musicais?


Diante de um cenário repleto de streamings e downloads, especialistas discutem o futuro do Rádio Musical: com tantos recursos tecnológicos hoje existentes para baixar músicas, emissoras de rádio totalmente musicais deixarão ou não de existir?

Entrevista Especial

Nesta Segunda Feira dia 22/07  as 10 da Manhã na Rádio Sorocaba FM

www.radiosorocabafm.com.br


"AUMENTA O VOLUME QUE A MÚSICA É BOA"

WhatsApp:

(15) 99846.9800


SOROCABA FM - A RÁDIO DA CIDADE



Aplicativo FaceApp pode abrir porta para abusos com dados dos usuários

Para especialistas, app compartilha informações sem consentimento



Nos últimos dias, imagens de pessoas em versões mais velhas delas mesmas viraram a nova febre das redes sociais no país. O responsável por isso foi o aplicativo Faceapp, ferramenta para edição e aplicação de filtros a imagens, como a simulação das faces em idades mais avançadas ou em outros gêneros. Contudo, seu funcionamento e suas normas internas podem abrir espaço para abusos no uso e compartilhamento dos dados de seus usuários.

O FaceApp está disponível nas lojas de aplicativos Play Store (para o sistema operacional Android) e Apple Store (para o sistema operacional iOS). Na loja Play Store no Brasil estava listado em julho como o principal aplicativo na categoria gratuitos. Com nota 4,5 de 5, no momento da publicação desta reportagem, o app chegava perto de 1 milhão de downloads.

O programa é anunciado como uma ferramenta para melhorar fotos e criar simulações por meio de filtros. Nos modelos de edição há possibilidades de mudar cores do cabelo, aplicar maquiagem ou estilos de barba e bigode, entre outros. O sistema de inteligência artificial do app informa que pode encontrar “o melhor estilo para você”.
Política de privacidade

A política de privacidade do app traz informações sobre quais dados são coletados e quais são os usos possíveis. Segundo o documento, são acessados as suas fotos e “outros materiais” quando você posta. Quais outros materiais? O documento não detalha. A empresa adota serviços de análise de dados (analytics) de terceiros para “medir as tendências de consumo do serviço”. O que isso significa? Não fica claro.

“Essas ferramentas coletam informação enviada pelo seu aparelho ou por nosso serviço, incluindo as páginas que você acessa, add-ons e outras informações que nos auxiliam a melhorar o serviço”, diz o documento. São utilizados também mecanismos de rastreamento como cookies, pixels e beacons (que enviam dados sobre a navegação para a empresa e parceiros dela).

As informações “de log” também são enviadas, como quando o indivíduo visita um site ou baixa algo deste. A empresa também insere mecanismos para identificar que tipo de dispositivo você está usando, se um smartphone, tablet ou computador de mesa. Podem ser veiculados anúncios por anunciantes parceiros ou instalados cookies dessas firmas.

Por meio dessas tecnologias a sua navegação passa a ser totalmente rastreada. Segundo a empresa, contudo, esse volume de informação é reunido sem que a pessoa seja identificada. “Nós coletamos e usamos essa informação de análise de forma que não pode ser razoavelmente usado para identificar algum usuário particular”, informa o app.

As políticas de privacidade afirmam que a informação não é vendida ou comercializada, mas listam para quem a informação reunida pode ser compartilhada para as empresas do grupo que controla o Faceapp, que também poderão utilizá-las para melhorar os seus serviços. Também terão acesso empresas atuando na oferta do serviços, que segundo o documento, o farão sob “termos de confidencialidade razoáveis”. O que são termos razoáveis? O usuário não tem como saber.

O compartilhamento poderá ser feito para anunciantes parceiros. Se a empresa for vendida, ela poderá repassar as informações aos novos acionistas ou controladores. De acordo com o documento, mudanças nos termos podem ser feitas periodicamente, sem obrigação de aviso aos usuários. Assim, a empresa possui um leque amplo de alternativas de compartilhamento sem que o usuário saiba quem está usando suas informações e para quê.
Riscos

A diretora da organização Coding Rights, Joana Varon, avalia que o uso do app traz uma série de riscos e viola a legislação brasileira ao afirmar que poderá ser regido por leis de outros países, inclusive o Artigo 11º do Marco Civil da Internet (Lei Nº 12.965).

Joana considera a política de privacidade do FaceApp muito permissiva, uma vez que não é possível saber quais dados serão utilizados, como e por quais tipos de empresas. Entretanto, ela acrescenta que certamente a empresa responsável e seus “parceiros” trabalham os registros reunidos para alimentar sistemas de reconhecimento facial, uma vez que o app gera um poderoso banco de dados, não só de fotos dos usuários como de outras pessoas para as montagens (como de amigos ou de celebridades).

Ela diz que isso resulta em um problema grave, uma vez que as tecnologias de reconhecimento facial têm se mostrado abusivas, como nas aplicações de segurança pública. As preocupações levaram cidades a banir esse tipo de recurso, como San Francisco, nos Estados Unidos, ou São Paulo, que proibiu o uso da tecnologia no metrô.

“As pessoas ficam empolgadas mas no fim tem uma finalidade muito além do que só essa brincadeira, que nem é tão clara. É claro que imagens estão sendo utilizadas para aperfeiçoar o reconhecimento facial, tecnologia que tem se mostrado totalmente nociva. Não é só identificação de pessoas, mas do humor e outras características que não são comuns a outros tipos de dados biométricos, como digital”, explica.
Venda de dados

Para Fábio Assolini, analista sênior de segurança da Kaspersky, é possível que essas imagens acabem sendo empregadas em usos problemáticos. “Por utilizar inteligência artificial para fazer as modificações a partir do reconhecimento facial, a empresa dona do app pode vender essas fotos para empresas desse tipo, além desses dados facilmente caírem nas mãos dos cibercriminosos e serem utilizados para falsificar nossas identidades”, diz.

Assolini diz que os usuários devem tomar cuidado sobre como disponibilizam suas imagens para reconhecimento facial ou até mesmo publicamente. “Temos que entender essas novas maneiras de autenticação como senhas, já que qualquer sistema de reconhecimento facial disponível a todos pode acabar sendo usado tanto para o bem quanto para o mal”.
Dados expostos

Na opinião do coordenador do grupo de pesquisa Estudos Críticos em Informação, Tecnologia e Organização Social do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT), Arthur Bezerra, o argumento da parte de muitos usuários de que não haveria problemas no Faceapp, uma vez que os dados das pessoas já estão expostos na internet não procede.

"Embora plataformas como o Google e o Facebook tenha uma enorme gama de dados sobre nós, cada empresa busca formar seu banco de dados. E o Faceapp é desenvolvido por uma empresa russa, então quando você faz o download, você está compartilhando suas informações com uma nova companhia que você não sabe qual é. Se eu dissesse por alguém para me dar a senha do Facebook, a pessoa provavelmente não daria, pois todo mundo tem uma dimensão privada da sua vida", disse.
Polêmicas

Modas como a do FaceApp já levantaram preocupações antes. Foi o caso do desafio dos 10 anos, que virou febre no Facebook no início do ano e provocou questionamentos pela alimentação de sistemas de reconhecimento facial. No ano passado, o Ministério Público abriu um inquérito para saber se a adoção dessa tecnologia pelo Facebook violava ou não a legislação.

Iniciativas em diversos países – como Estados Unidos, China e Rússsia – vêm sendo criticadas por defensores de direitos dos usuários. Empresas do setor, como a Microsoft, chegaram a pedir publicamente a regulação dessas soluções técnicas. No Brasil, o início da aplicação desses recursos pelo Sistema de Proteção ao Crédito no ano passado também foi acompanhado de receios.


Publicado em 16/07/2019 - 17:37
Por Jonas Valente – Repórter Agência Brasil Brasília
Edição: Fábio Massalli
Republicação: Rádio Sorocaba FM
www.radiosorocabafm.com.br

Atacante do Botafogo sofre parada cardíaca em treinamento

O atacante do Botafogo Futebol e Regatas, Diego Santos Gama Camilo, o Biro Biro, de 24 anos, recém-contratado pelo clube sofreu uma parada cardíaca em campo durante o treino desta terça-feira (16) à tarde, no Estádio Nilton Santos, o Engenhão, zona norte da cidade. Ele foi internado e seu quadro é considerado estável.

O clube informou que o jogador deixou o treino desacordado e amparado pelos companheiros. No vestiário, foi socorrido pelo clínico geral, Eduardo Amorim, que o reanimou sem necessidade do uso de desfibrilador. O ponta alvinegro foi levado para a Clínica São Vicente, na Gávea, zona sul do Rio, onde chegou bem e conversando normalmente.

O Botafogo informou, pela rede social do clube, que Biro Biro foi encaminhado ao hospital e está sendo acompanhado pelo médico do clube, Ricardo Bastos, que também estava presente e auxiliou no atendimento no Estádio Nilton Santos. O quadro do atleta é estável e ele será submetido a uma bateria de exames para detectar o que provocou a parada cardíaca. O cardiologista Eduardo Saad está realizando os exames clínicos no atleta.

Biro Biro apresentou os primeiros sintomas de problema cardíaco, quando atuava pelo Shanghai Shenxin, em 2016, e desmaiou durante um jogo do Campeonato Chinês.

O atacante corrigiu o problema de arritmia cardíaca, que apresentou durante sua passagem pelo futebol chinês. Ele fez o procedimento conhecido como ablação (técnica realizada por meio de cateteres por veias e artérias, sem a necessidade de abertura do tórax). Biro Biro fez o procedimento no Rio de Janeiro e voltou a se consultar em maio. Em seguida, o atleta foi liberado para jogar normalmente.


 
Publicado em 16/07/2019 - 21:57
Por Douglas Corrêa - Repórter da Agência Brasil Rio de Janeiro
Edição: Fábio Massalli
Republicação: Rádio Sorocaba FM
www.radiosorocabafm.com.br

Bolsonaro anuncia venda de aviões da Embraer para Portugal

O presidente Jair Bolsonaro anunciou hoje (16), por meio de sua conta pessoal no Twitter, a venda de cinco aeronaves da Embraer, modelo KC-390, para a Força Aérea Portuguesa. Esta é a primeira venda desse novo modelo para um país europeu.

"Conseguimos concluir a venda de cinco aeronaves Embraer KC-390 para a Força Aérea Portuguesa, após autorização da aquisição pelo Governo de Portugal, que contribuiu ativamente para o desenvolvimento do KC, exemplo da tecnologia de ponta que produzimos no Brasil", disse Bolsonaro em seu Twitter.

    - Grande notícia! Conseguimos concluir a venda de cinco aeronaves Embraer KC-390 para a Força Aérea Portuguesa, após autorização da aquisição pelo Governo de Portugal, que contribuiu ativamente para o desenvolvimento do KC, exemplo da tecnologia de ponta que produzimos no Brasil.
    — Jair M. Bolsonaro (@jairbolsonaro) July 17, 2019

Portugal desembolsará pelos aviões, 827 milhões de euros, que equivale a cerca de R$ 3,5 bilhões. O contrato envolve ainda um simulador de voo e suporte técnico. O primeiro desses aviões deve aterrissar em solo lusitano em fevereiro de 2023.

As aeronaves vão substituir os modelos Hércules C-130, da norte-americana Lockheed Martin, que atualmente servem a Força Aérea Portuguesa.

O KC-390 é um avião cargueiro de transporte tático militar, o maior já fabricado no Brasil.  A produção da aeronave está sendo feita em Gavião Peixoto (SP).  Uma das suas utilizações é no transporte de tropas e cargas.

Além do transporte de cargas e tropas, o KC-390 pode ser usado também para transporte de paraquedistas, para o abastecimento de outras aeronaves no ar, missões de busca e salvamento com equipamentos especiais, combate a incêndios florestais e até em voos para a Antártida.

A Embraer, também está negociando a venda do cargueiro para Chile, Argentina, Colômbia e República Tcheca.

Publicado em 16/07/2019 - 22:12
Por Luciano Nascimento – Repórter da Agência Brasil Brasília
Edição: Fábio Massalli
Republicação: Rádio Sorocaba FM
www.radiosorocabafm.com.br

Novo presidente do BNDES pretende explicar “caixa-preta” em dois meses

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) pretende explicar a “caixa-preta” na instituição financeira em até dois meses, disse hoje (16), o novo presidente da instituição, Gustavo Montezano. Ele disse que não tem opinião formada sobre as gestões anteriores, mas que precisa explicar decisões tomadas nos últimos anos pelo banco.

“O que a gente está se propondo a fazer é explicar a 'caixa-preta'. Há uma duvida clara sobre o que há ou não no BNDES. Cada um me conta uma informação diferente da mesma história. Ao fim de dois meses, quero ser capaz de explicar esse conjunto de regulações, empréstimos, perdas financeiras que contextualizam a 'caixa-preta'. O que sairá desse estudo, eu prefiro não comentar agora. Prefiro fazer o dever de casa e qualificar esse tema", disse Montezano nesta terça-feira (16), na primeira entrevista coletiva após assumir o cargo.

Utilizada pelo presidente Jair Bolsonaro, a expressão “caixa-preta do BNDES” refere-se a financiamentos para a exportação de serviços a países em desenvolvimento, como Cuba, Angola, República Dominicana e Argentina. Atualmente, o banco divulga as condições dessas operações na página BNDES Transparente, mas Montezano disse ser prioridade número um da sua gestão prestar mais esclarecimentos à sociedade.

“Qualquer que seja a conclusão, a gente precisa ser transparente e trazer ela para a sociedade e para a mídia. Qualquer coisa que eu fale agora, pode ser leviano ou parcial. Esperem dois meses para a gente ter algo completo e conclusivo. É a prioridade um do banco. Aspecto de imagem, protocolo, a gente tem de analisar sobre todas essas óticas”, explicou.
Metas

Montezano tomou posse hoje (16) no comando do banco, substituindo o economista e ex-ministro Joaquim Levy, que pediu demissão em junho. Além da divulgação dos detalhes da “caixa-preta” do banco, ele anunciou quatro metas: a venda de ações de empresas em poder do banco; a devolução ao Tesouro de R$ 126 bilhões até o fim do ano e de R$ 144 bilhões até o fim de 2022; um plano de metas, orçamento e dimensionamento para os próximos três anos; e a prestação de serviços de assessoria financeira a órgãos do governo federal, a estados e municípios.

Em relação à venda de ações, Montezano disse que pretende acelerar a venda da participação do banco em empresas públicas e privadas. Hoje, o BNDESPar, ramo do BNDES que detém papéis de empresas, tem R$ 106,8 bilhões em ações, das quais R$ 53,3 bilhões da Petrobras; R$ 16,5 bilhões da Vale; R$ 9,3 bilhões da Eletrobras e R$ 9,26 bilhões da JBS. O banco ainda tem papéis em empresas de celulose e de empresas estaduais do setor elétrico, entre outras.

Montezano reconheceu que não pode desfazer-se de todos os papéis de uma só vez, para evitar que o preço das ações desabe no mercado e o banco tenha prejuízo. No entanto, comprometeu-se a acelerar as vendas, sem dar prazo. “Boa parte hoje são posições especulativas. Se o preço das ações sobe, é um mero ganho financeiro sem nenhuma entrega para a sociedade. É melhor tirar dinheiro daqui e colocar em outros ativos, como o saneamento, que também vai ter retorno financeiro, mas muito mais outros derivados disso para a sociedade como um todo”, disse.

Segundo ele, o BNDESPar pode até comprar ações de empresas, se comprovado que a participação renderá retornos para a sociedade, como investimentos em educação e saneamento básico.
Devolução

Depois de o banco ter devolvido R$ 30 bilhões ao Tesouro neste ano, Montezano comprometeu-se a devolver mais recursos até atingir o valor prometido de R$ 126 bilhões no fim do ano. Ele esclareceu que o ressarcimento não prejudicará a segurança financeira do banco, porque o dinheiro sairá do caixa da instituição, não do capital (dinheiro que precisa ficar parado para cumprir requisitos de segurança).

Segundo Montezano, a estratégia permitirá ao banco emprestar cerca de R$ 70 bilhões por ano. “Esse é o valor próximo da média histórica, antes de outros governos injetarem recursos no banco para emprestar para setores escolhidos”, esclareceu.

Além dos títulos públicos emprestados pelo Tesouro, o governo injetou R$ 36 bilhões em instrumento híbrido de capital e dívida (ITCD) no banco nos últimos anos. No entanto, Montezano disse que a devolução desses instrumentos, como está ocorrendo com a Caixa Econômica Federal, não tem prazo para ocorrer. “Somente depois que a gente reembolsar os recursos do Tesouro, vamos começar a discutir a devolução do ITCD”, explicou.
Assessoria financeira

Sobre a venda de serviços de assessoria financeira, Montezano explicou que o BNDES pretende auxiliar o governo federal, estados e municípios nas áreas de privatização, concessão, investimentos, parcerias público-privadas e reestruturação financeira. Os contratos serão vinculados ao sucesso de cada operação. “Caso a concessão ou privatização seja bem-sucedida, o banco recebe uma parte do resultado em forma de comissão”, disse.

O presidente do BNDES confirmou que os primeiros clientes do banco serão o Ministério da Infraestrutura, nos projetos de concessões; a Casa Civil, responsável pelo Projeto Piloto de Investimentos, e a Secretaria de Desestatização, Desinvestimentos e Mercados do Ministério da Economia, que coordenará as privatizações. O banco oferecerá assessoria técnica e conhecimento para o planejamento das operações. Numa segunda etapa, o serviço será estendido a prefeituras e governos estaduais.
 


Publicado em 16/07/2019 - 17:28
Por Wellton Máximo - Repórter da Agência Brasil Brasília
Edição: Fernando Fraga
Republicação: Rádio Sorocaba FM
www.radiosorocabafm.com.br

Toffoli suspende processos que contêm dados sem autorização judicial

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, decidiu hoje (16) suspender todas as investigações que foram baseadas em dados fiscais repassados pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF) e pela Receita Federal ao Ministério Público sem autorização judicial.

Com a decisão, as investigações que estão em andamento em todo o país só poderão ser retomadas após o plenário da Corte decidir sobre a constitucionalidade do compartilhamento, com o Ministério Público, de dados sigilosos de pessoas investigadas. O julgamento da questão deve ocorrer em novembro.

A liminar de Toffoli atinge todos os inquéritos e procedimentos de investigação criminal (PIC), apuração interna do MP, que tramitam no Ministério Público Federal (MPF), além dos estaduais, em que não houve prévia decisão judicial para repasse dos dados pela Receita, Coaf e Banco Central.

"Com base nos fundamentos suso mencionados, considerando que o Ministério Público vem promovendo procedimentos de investigação criminal (PIC), sem supervisão judicial, o que é de todo temerário do ponto de vista das garantias constitucionais que assistem a qualquer indiciado ou a qualquer pessoa sob investigação do Estado, revela-se prudente ainda suspender esses procedimentos que tramitam no território nacional e versem sobre o mesmo tema, de modo a evitar eventual usurpação de competência do Poder Judiciário", decidiu o ministro.

A decisão do ministro foi tomada em um processo que tramita na Corte desde 2017, no qual se discute a legalidade do compartilhamento de informações fiscais sem autorização judicial. A medida suspende todas as investigações no país baseadas em dados fiscais repassados sem autorização. Entre os processos suspensos está o do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) que é parte de uma investigação baseada em compartilhamento feito pelo Coaf.


 Publicado em 16/07/2019 - 14:28
Por André Richter - Repórter da Agência Brasil Brasília
Edição: Narjara Carvalho
Republicação: Rádio Sorocaba FM
www.radiosorocabafm.com.br

Governo alerta para fraude via WhatsApp sobre Bolsa Família

Ministério alerta para fraude via WhatsApp sobre 13º do Bolsa Família
Golpe promete liberação instantânea da parcela


Um novo golpe, veiculado por meio de mensagens no aplicativo WhatsApp, promete a liberação instantânea do décimo terceiro salário do Bolsa Família para beneficiários do programa, segundo informações divulgadas nesta quinta-feira (11) pelo Ministério da Cidadania.

De acordo com o alerta, a mensagem fraudulenta contém um link que redireciona o usuário para uma página onde são solicitados os dados pessoais, como nome completo, CPF e endereço. A mensagem exige ainda que a vítima compartilhe o link com todos os seus contatos para que o pagamento seja efetuado.

O Ministério da Cidadania informou que não solicita dados pessoais via WhatsApp ou o compartilhamento de links como condição para concessão de benefícios do Programa Bolsa Família. De acordo com a diretora do Departamento de Benefícios, Caroline Paranayba, para o recebimento do repasse não é necessário fornecer qualquer informação adicional das famílias.

O ministério esclarece ainda que o governo federal não faz nenhum tipo de coleta de dados por meio das redes sociais e que a atualização de informações de famílias beneficiarias de programas sociais deve ser feita exclusivamente no órgão responsável no município.

Publicado em 11/07/2019 - 18:03
Por Agência Brasil Brasília
Edição: Bruna Saniele
Agência Brasil
Republicação: Rádio Sorocaba FM
www.radiosorocabafm.com.br

LANÇADO EM SOROCABA APLICATIVO DE TRANSPORTE EXCLUSIVO PARA MULHERES


"Bora Elas" chegou a Sorocaba nesta sexta feira (28), com o intuito de oferecer mais segurança no transporte compartilhado e promover a idependência financeira das mulheres que trabalham como motoristas.

Os recorrentes relatos de assédio e outros tipos de violência contra a mulher nesse mercado, tanto com as passageiras quanto com as motoristas, é o motivo do sucesso e popularização do aplicativo criado pelos empresários.

O aplicativo esta sendo implantado em Sorocaba e Região pelos empresários Paulo Rodrigues e Alexandre Rodrigues.

De acordo com os empresários, foram desenvolvidas novas funcionalidades no aplicativo, para oferecer mais segurança às mulheres. "Além do serviço de rota compartilhada, o aplicativo possue o botão S.O.S, que está disponível desde o lançamento da plataforma.

Paulo Rodrigues explica ainda que o aplicativo também oferece uma boa oportunidade de geração de renda, com horário flexível para mulheres que gostam de dirigir.

Os requisitos para ser uma motorista "BORA ELAS" são:
Ter "EAR" na Carteira Nacional de Habilitação, veículo com até 10 anos de uso, ar condicionado, ter quatro portas e estar em bom estado de conservação e após a aprovação dos documentos, é obrigatória a participação do treinamento da empresa.


https://www.facebook.com/boraelas/

Por: Roberto Neander - Rádio Sorocaba
(15) 99846.9800

EletroTec - Assistência técnica autorizada

Autorizada Cadence, Eletrolux e Mondial, a EletroTec possui assistência técnica completa com peças originais e de procedência garantida para:
Reparos - Consertos e Manutenção de TVs - Som - Home Theaters - DVDs e outros equipamentos eletrônicos.

A EletroTec conta com serviço de retirada sem custo adicional em toda a região de Sorocaba, com garantia e Nota Fiscal para qualquer tipo de manutenção.

A EletroTec está sempre preparada para atender e dar a assistência que você precisa!
Telefone: (15) 3243 - 8340

EletroTec - Assistência Técnica Autorizada



O ano termina e as pessoas vão embora, mas as lembranças que elas deixam nos mantêm unidos para sempre.

Real Photos - Formaturas Escolares

(15) 99139.3001

Uniformes personalizados para a sua empresa, é na Gêmeos estamparia!

Na Gêmeos estamparia, você pode criar camisetas com cores, textos e imagens do jeito que você quiser.

Atendimento imediato com pagamento facilitado

Rua Arthur Martins, 73 no centro de Sorocaba

WhatsApp: (15) 99786.1601

Gêmeos estamparia

A solução inteligente para empresas de sucesso!


Porque você deve anunciar na Rádio Sorocaba?
 Buscando alinhar informação, qualidade e credibilidade, o site da Rádio Sorocaba abriga notícias, eventos e informações entre outros conteúdos. Nossa média mensal de acessos é próxima de 40 mil* /mês. Anunciando em nosso site, o internauta está a um clique da compra. Conheça nossa  publicidade online com link patrocinado é ainda muito, mas MUITO MAIS BARATA do que em outros países ou seja: o custo-benefício é sem comparação.
Rapidez e Eficiência
Troca simplificada e ágil de Banner: A substituição do Banner online é simples e rápida. O material é enviado por e-mail e inserido no mesmo dia.
Consulte nossos preços e confira mais vantagens em anuciar conosco: Agilize seu contato através de nosso WhatsApp (15) 99846 - 9800


DOCERIA CRIANÇA FELIZ - SOROCABA SP *Doces Finos e Personalizados c/ os melhores preços


*Cupcakes - Bolos - Salgados - Lembrancinhas - Biscuit


*Conheça nosso trabalho
*Faça-nos uma visita

*Copie o endereço abaixo e cole em seu navegador


 www.doceriacriancafeliz.blogspot.com.br

Urias Fotos e Filmes

Filmes institucionais

Publicitários

Filmes para internet e youtubers.

Acesse uriasfilmes.blogspot.com.br

No facebook: Urias Filmes

Telefone: (15) 98121.7724


Foto J J

Uma empres que atua no ramo fotográfico à 24 anos em Sorocaba, oferecendo aos seus clientes amigos, seviços digitais.

Casamentos, aniversários, batizados e eventos em geral.

A Foto J J fica na Rua Elisete Cardoso, 98 - Júlio de Mesquita Filho

Telefone (15) 3012 - 0244

Griffe Graff

A IMPRESSÃO QUE FICA ! ! !

*CARTÃO DE VISITAS

* PANFLETOS

*ADESIVOS

*BANNERS

*FAIXAS

WhatsApp (15) 99695 - 9265

Ki Churrasco Bom!
(15) 99634.5748

 O churrasco é hoje uma das três grandes paixões nacionais, junto com o futebol e a cervejinha. No entanto, se engana quem pensa que só a carne e a churrasqueira certas são suficientes,é preciso ficar atento a detalhes, como a escolha dos cortes, os temperos e até mesmo o "aquecimento da churrasqueira”.

 Os melhores cortes

· Os mais indicados são: picanha, fraldinha, contrafilé, alcatra e maminha.
· No caso da fraldinha, da alcatra e da costela, as peças devem ser assadas inteiras.

Quantidade ideal

Em média, calcula-se cerca de 600 g por adulto. Desse total, 150 g podem ser de linguiça, 50 g de frango e o restante de carnes variadas. Crianças com até 7 anos costumam comer, em média, de 150 g a 200g



 VENHA VOCÊ TAMBÉM, FAZER PARTE DA FAMÍLIA  RÁDIO SOROCABA FM 


Acesso de ouvintes / mês no site: www.radiosorocaba.com.br
WhatsApp: (15) 99846.9800
Email: radiosorocabafm@gmail.com


Acesso de ouvintes / mês no site: www.radiosorocaba.com.br
WhatsApp: (15) 99846.9800
Email: radiosorocabafm@gmail.com


Acesso de ouvintes / mês no site: www.radiosorocaba.com.br
WhatsApp: (15) 99846.9800
Email: radiosorocabafm@gmail.com


Acesso de ouvintes / mês no site: www.radiosorocaba.com.br
WhatsApp: (15) 99846.9800
Email: radiosorocabafm@gmail.com

Rádio Sorocaba é premiada na cidade de São Bernado do Campo - SP

A Rádio Sorocaba foi homenageada com o "Troféu Arte em Movimento" como a melhor rádio no segmento web noticiarista /musical, ficando em destaque entre as melhores rádios do Brasil.

A homenagem foi oferecida em forma de Troféu , neste sábado (7)  no Teatro Cacilda Becker na cidade de São Bernardo do Campo, para mais de 250 premiados.
Receberam o Troféu, representando a Rádio Sorocaba os radialisttas Roberto Neander, Isabela Nascimento, Tony Athie e Vitor Russafa.

Da cidade de Sorocaba, receberam também a premiação a cantora e atriz Nat Verçosa e o Centro Cultural das Tradições Nordestinas de Sorocaba, tendo como representante a Diretora Selma Araújo.


A premiação Troféu Arte em Movimento está sendo considerada a maior premiação independente do Brasil.
Para compreender o que é o Troféu Arte em Movimento, vamos saber como tudo começou:

Criado em Outubro de 2015 pelo Artista Plástico Jose Pereira De Souza Pereira em homenagem ao artista ANTONINO ASSUMPÇÃO, o Troféu Arte em Movimento tem como objetivo reconhecer e valorizar as celebridades da diversidade cultural de todo o Brasil e que foram destaque no decorrer do ano. A homenagem é oferecida em forma de Troféu aos radialistas,rádios,repórteres, apresentadores de TV, artistas, esportistas, ongs, ativistas culturais, cantores, diretores de jornal, grupos teatral, sambistas, entre outros.

Roberto Neander / Rádio Sorocaba

Locutores da Rádio Sorocaba recebem homenagem do Vereador Fausto Peres, na Câmara Municipal de Sorocaba

Em solenidade televisionada, Roberto Neander, Vitor Russafa e Isabela Nascimento da Rádio Sorocaba, recebem homenagem do Dia do Radialista na Câmara Municipal de Sorocaba pelo Vereador Fausto Peres.


A Câmara Municipal de Sorocaba, em sua Reunião do dia 3 de Outubro de 2017, homenageou os Radialista Roberto Neander, Vitor Russafa e Isabela Nascimento a requerimento do Nobre Vereador Fausto Salvador Peres, conseguinando na Ata de seus trabalhos, voto de Cogratulações  em Comemoração ao Dia do Rádio, celebrado no dia 21 de Setembro, e por estarem à frente do microfone, falando para a audiência do rádio, o que atribui aos radialistas a responsabilidade de levar a sua mensagem com amor e dedicação, tendo como princípios básicos a ética e a verdade na promoção da cidadania e de uma sociedade mais justa.


Roberto Neander/ Rádio Sorocaba


A Rádio Sorocaba recebe o Troféu Arte em Movimento 2017 -  "A MAIOR PREMIAÇÃO INDEPENDENTE DO BRASIL"

  Troféu Arte em Movimento 3ª Edição

"A MAIOR PREMIAÇÃO INDEPENDENTE DO BRASIL"

Pela terceira vez, Diadema será palco da entrega do Troféu Arte em Movimento que será realizado nos dias 6/10 e  07/10 na cidade de Diadema e também no dia 07/10 na cidade de São Bernardo do Campo.
Para compreender o que é o Troféu Arte em Movimento, vamos saber como tudo começou:

Criado em Outubro de 2015 pelo Artista Plástico Jose Pereira De Souza Pereira em homenagem ao artista ANTONINO ASSUMPÇÃO, o Troféu Arte em Movimento tem como objetivo reconhecer e valorizar as celebridades da diversidade cultural de todo o Brasil e que foram destaque no decorrer do ano. A homenagem é oferecida em forma de Troféu aos radialistas,rádios,repórteres, apresentadores de TV, artistas, esportistas, ongs, ativistas culturais, cantores, diretores de jornal, grupos teatral, sambistas, entre outros.
 Zeép, como é carinhosamente conhecido, salienta que o Troféu Arte em Movimento é uma homenagem para  todos aqueles que fazem parte do Patrimônio Cultural Brasileiro.
No início, em 2015, éramos uma família de 25 participantes e hoje, em 2017 contamos com mais de 250 artistas de todo o Brasil, diz Zeép.
Diante da grande repercução e o grande número de artistas envolvidos, este ano estaremos realizando a entrega do Troféu Arte em Movimento em duas cidades e teremos como apresentador o Radialista VALDO ROCHA.

A abertura do evento e entrega do Troféu Arte em Movimento, será nos dias 06/10  às 18:00hs e 07/10 às 14:00 hs no Centro Cultural Canhema e Casa do Hip Hop, Rua Vinte e Quatro de Maio, nº 38 em Diadema SP e o encerramento será no dia 07/10 na cidade de São Bernardo do Campo, com início às 18:30 hs, no Teatro Cacilda Becker que fica na Praça Samuel Sabatini, 50, no Paço Municipal.
A Rádio Sorocaba e seus radialistas Roberto Neander, Isabela Nascimento, Vitor Russafa e Tony Athiê, recebem o "Troféu Arte em Movimento 2017" no dia 07/10 em São Bernardo do Campo.
Sobre:  ANTONINO ASSUMPÇÃO
Nascido em Santo André, Antonino Assumpção teve sua vida ligada à arte, ao esporte e ao jornalismo de São Bernardo do Campo.
Entre suas ações, fundou em 1962 o grupo Regina Pacis, o qual liderou até sua morte. Na década de 1980, foi diretor do Departamento de Ações Culturais da cidade.
Roberto Neander / Rádio Sorocaba


Na foto ao lado, homenagem realizada em 12/06/2019, à Rádio Sorocaba FM, pelo artista plástico José Pereira da Silva, criador do evento Arte em Movimento.




Rádio Sorocaba FM
www.radiosorocaba.com
(15) 99846.9800

Rádio Sorocaba


Tenha também o seu site. É grátis!